Portas

A cortina do muro, da parte de fora do tabernáculo tem cinquenta côvados para o lado oriente e para o lado ocidente, e cem côvados para o sul e para o norte, e a medida total é de trezentos côvados. No meio do lado oriente do tabernáculo tem a porta de vinte côvados, e ambos os lados da porta tem quinze côvados. Principalmtente a porta de vinte côvados que está no meio, com quatro cores, é um bordado com estofo azul, púrpura e carmesim a fim de que possam distinguir claramente entre a cortina branca com a cortina do muro, para que qualquer pessoa saiba facilmente onde fica a porta.
Púrpura é Jesus Cristo, o Rei dos Reis; o linho representa que Jesus Cristo é o Servo de Deus; e azul significa que Jesus Cristo é Deus; o carmesim representa que Jesus Cristo é humano.

A altura do tabernáculo é de cinco côvados. Se convertermos cinco côvados em metros, dá mais ou menos 2m 25cm. A essa altura, além das pessoas não conseguirem enxergar as coisas que estão além, mas também, é uma altura que não conseguirão passar. Isto é, para entrar no lugar Santo dos Santos, se ninguém conseguir passar pelo muro, certamente terão que passar pela porta. E essa porta é representada por Jesus Cristo.

Em João capítulo 10, Jesus está dizendo: "Eu sou a porta. Se alguém entrar por mim, será salvo.

Cada religião tem seus próprios mandamentos, assim a maioria enfatiza a levarem uma vida bondosa, exigem a honestidade e uma vida verdadeira. Mas uma vida de fé que crê em Jesus é diferente da religião. A religião exige que você faça tudo que o fundador da religião, ou o que 'deus' pede para seguir, uma vida bondosa e moralista. Mas Jesus Cristo não quer que sigamos uma vida moralista e honesta que tenha um objetivo de alcançar uma posição, mas sim, quer que aceitemos o Jesus que nos salva. Em outras palavras, Jesus Cristo veio nessa terra a fim de nos salvar do pecado, e foi crucificado na cruz derramando o seu sangue. E, somente podemos ser salvos através de Jesus Cristo. A religião nos ensina que podemos alcançar algum objetivo pelas nossas próprias obras moralistas e pelas práticas de caridade. E dizem que devemos trabalhar e esforçar. Mas a vida de fé de crer em Jesus, não é através de nossos métodos ou esforços que podemos alcançar algo, e sim, recebemos a salvação através da graça da cruz de Jesus Cristo. Essa é a diferença entre a nossa vida de fé com a religião.

Que tipo de 'deus' destas religiões desse mundo poderá morrer por nós? Somente Jesus que é Deus, aquele que morreu pelos pecados dos homens. Por isso, quando entramos em Cristo, através do poder dessa morte, os nossos pecados serão lavados, e ficarão tão brancos como a neve e assim, seremos santificados. E Jesus disse que, qualquer que não passar por essa porta serão ladrões e salteadores. Por mais que pareça ser bondoso e verdadeiro superficialmente, mas será uma pessoa que não tem nada a ver com Deus.

A parte quando faz a imposição de mão na ovelha (figura ao lado)

Hoje em dia, as pesssoas dizem crer em Jesus, mas por não conhecerem a Jesus que é a porta. Existem muitas pessoas que querem servir ao Senhor fora de Cristo, e não conseguem entrar no templo e ficam inquietos do lado de fora. Embora eles tenham muito interesse em Jesus, mas são pessoas que não experimentaram o verdadeiro sabor de Jesus Cristo.

Então como poderemos conhecer Jesus Cristo, que é a porta?
Por Jesus Cristo ser Santo e verdadeiro, dentro Dele não existe coisas sujas ou ruins. Por isso, quando queremos entrar em Cristo, não podemos entrar tendo o corpo de pecador.
Por mais que as pessoas tenham cometido pecado, pensam que estão dentro de Cristo só porque frequentam a igreja. Mas não é assim. Se estiver fora de Cristo, é pecador e filho de Satanás. Mas se estiver dentro de Cristo, é santificado e justo.
Vendo em
Salmos capítulo 1, está escrito que "O Senhor conhece o caminho dos justos." E que "O justo não anda no conselho dos ímpios." Vendo se o pecado já foi lavado ou não, podemos perceber se são pessoas que estão dentro de Cristo ou pessoas que estão fora de Cristo. As pessoas que estão fora de Cristo, por mais que sejam honestas, são pecadoras.

Vendo a páscoa em Êxodo, a páscoa é no dia 14 do primeiro mês, mas no dia 10 do primeiro mês, observa o cordeiro durante 4 dias. 'Será que esse cordeiro não tem defeitos? Será que não tem manchas?' E assim, quando for confirmado que não tem manchas e nem defeito, no dia 14 do primeiro mês, comem a carne deste cordeiro e passam o sangue na verga da porta. O cordeiro que não possui nenhum defeito, ao observar durante 4 dias, representa a Jesus Cristo. Antes de Jesus Cristo morrer crucificado, muitas pessoas O observaram, mas não acharam nenhum pecado Nele. A vida Dele, foi distinguida com a vida das pessoas do mundo. Embora a outra parte do tabernáculo fosse de cortina branca, mas a porta aparecia facilmente porque era azul, púrpura e carmesim, e linho fino. Da mesma forma, embora Jesus viveu durante 33 anos nesta terra, mas Ele não seguiu o fluxo da religião que os homens formaram.
 

Pela cor de Jesus ter sido sempre diferente, Ele somente poderia ser excluído e desprezado. Por exemplo, se Jesus seguisse o fluxo dos homens, Ele não teria sido desprezado e nem excluído.
 

Por Jesus Cristo nunca ter Se comprometido com a religião desse mundo, Ele se tornou uma pedra de tropeço e uma pedra angular para os homens. A pedra de tropeço e a pedra angular despedaça as pessoas fazendo com que pertençam a Jesus Cristo.

Assim, como as cores da porta do tabernáculo, por Jesus ter tido uma cor totalmente oposta dos religiosos desse mundo, e pessoas tão grandes como os nobres, qualquer lugar onde Jesus Cristo entrasse, era facilmente distinguido e as pessoas sempre O contrariaram. Da mesma forma, as pessoas de hoje em dia que realmente pertencem a Cristo, por terem a cor diferente das pessoas desse mundo, acabam sendo excluídos e desprezados pelas pessoas.